19 de março de 2017

O meu!


Obs.:  Mas claro que deixo aqui um beijinho a todos os pais que visitam este blog...



Página de facebook: aqui



página de facebook: aqui

10 de março de 2017

Vontade não falta


Os dias começam a ficar com temperaturas amenas e a vontade de sair aparece. Na verdade, não é que não dê vontade de sair quando está frio, mas com a primavera a aproximar-se e os dias a ficarem mais luminosos a necessidade de evasão é maior.
Fico pela vontade mas entretanto fiz uns caderninhos de viagem, pode ser que um dia lhes dê uso...

Na verdade tinha muito papel inutilizado e uma agenda em bruto que sobrou do ano anterior. Cortei as folhas, reaproveitei as que consegui e fiz as capas com uns restos de cartolina que andavam por aqui. Forrei-as com os mapas que vêm no final das agendas.

E voilá! Uma tem folhas lisas, outra pautada e vou ver que uso lhes vou dar. Entretanto experimentei novas técnicas de encadernação e colagem, aproveitei e sonhei um bocadinho.




Página de facebook: aqui

1 de março de 2017

 
 
 
 
Página de facebook: aqui
 
  

31 de janeiro de 2017

Alice no País das Maravilhas

Já fiz esta Tilda vestida de Alice há algum tempo, mas ainda não tinha mostrado aqui.
Foi um projecto que não saiu da minha cabeça durante imenso tempo mas que, por um ou outro motivo, fui deixando para depois.

Esta personagem de Lewis Carroll sempre me fascinou. Lembro-me de ver o filme da Disney ainda com dobragem em português do Brasil em miúda, e de ler o o livro numa daquelas edições de bolso, onde não existem desenhos, só letras. Penso que foi até um dos primeiros livros que li assim, sem "bonecos".
 

 
Alice: Quando tempo dura o eterno?
Coelho: Às vezes apenas um segundo.
 
 
Fica então aqui a minha versão da Tilda vestida de Alice, espero que gostem. Tem 60 cm de altura, é toda feita em tecido de algodão, com aplicações de rendas, bordados e fitas. Tem até um saiote que aparece por baixo do seu vestido azul e deixa ver o bordado na bainha. Um encanto de boneca.
 
Se pretenderem ter a vossa Alice, já sabem,  é só enviar mensagem.
 
 
 
Página de facebook: aqui
 
 


14 de dezembro de 2016

Less is more

Enquanto avanço com a escolha de tecidos para confeção de agendas 2017 e capas de agenda deparo-me com um que logo me chamou a atenção. Tem um padrão com desenhos de árvores e animais da floresta e logo pensei em fazer uma composição. Como não sabia em qual ficaria melhor, decidi fazer duas versões e aqui estão elas.


A intenção foi exactamente dar-lhes um ar bastante clean. Na frente e no verso estão duas árvores e duas raposinhas, colocadas em simetria. Tudo recortado e cosido de uma forma casual num tecido de algodão. Para o interior da capa e para as abas conjuguei os tecidos exteriores. Na agenda, coloquei ainda uma rendinha de algodão.


Acabadinhas de fazer, olho para a capa e para a agenda forrada e não consigo decidir de qual gosto mais.
Gostaria de saber a vossa opinião. Comentem, digam qualquer coisa, fico à espera.



Página de facebook: aqui

12 de dezembro de 2016

Preparadíssimos para o Natal

 

 
Mais uma vez os enfeites saíram da caixa onde permanecem todo o ano e volta tudo a brilhar, aguardando a noite de Natal que se aproxima. É uma repetição agradável, que espero que continue por muitas gerações.
 
 
 
Página de facebook: aqui
 
 
 

4 de dezembro de 2016

Bolo de alfazema e limão

Este é um bolo que gosto de fazer quando o tempo está mais frio. Fica bem acompanhado de um chá e tem um aroma único.
 




          100 gr de margarina                                            Fermento
          200 gr de açúcar amarelo                                   1 yogurte natural
          250 gr de farinha de trigo                                   2 limões grandes (raspa e sumo)
          4 ovos                                                                 2 colheres (de chá) de alfazema
 
Com a batedeira em velocidade máxima, bater o açúcar com a margarina. Adicionar os ovos inteiros e continuar a bater. Juntar o limão, a alfazema e o yogurte e misturar a baixa velocidade.  Por fim, peneirar a farinha e o fermento e envolver tudo. Este processo deverá ser feito com delicadeza e com a ajuda da vara de arames.
Vai ao forno em forma untada e enfarinhada a 170º durante cerca de 30 minutos.
 
Cheguei a esta receita depois de várias tentativas. Fui alterando quantidades e elementos até ficar satisfeita e agora já consigo obter um bolo húmido, com o equilíbrio adequado entre o limão e a alfazema.
 
Espero que façam e gostem do resultado.
 
 
 
Página de facebook: aqui

2 de dezembro de 2016

Capas

Todos os anos forro agendas e já por diversas vezes me tinham perguntado se eu fazia apenas as capas, porque algumas pessoas gostam de ter uma agenda nova todos os anos e outras gostam de ter a mesma capa onde colocam anualmente outra agenda.
Há algum tempo fiz umas experiências e consegui definir tamanhos para os modelos futuros. E agora que já tenho estas capas feitas, tenho planeadas muitas mais, pois não servem só para as agendas: também são óptimas para levar um livro para qualquer lado, mantendo-o sempre impecável e protegido.  
 


Estas capas servem para um livro de lombada média, mas poderei fazer em tamanho maior, e que servirá para qualquer um, inclusivamente os de lombada mais grossa.


Página de facebook: aqui

27 de novembro de 2016

Gordinhas e cheias de charme

Nos últimos dias voltei a este modelo Tilda. Ando numa fase em que só me apetece fazer destas bonecas, mas este modelo já não fazia há algum tempo. Depois de olhar para as duas não consegui perceber se gosto mais da azul, se da rosa. Vou fazer mais e desfazer as dúvidas ehehe.
 


São 37 cm de pura beleza e graciosidade e estão disponíveis para viajar para casa de um novo dono. Quem estiver interessado é só enviar mail.



Página de facebook: aqui

7 de novembro de 2016

A caminho do Natal... continuação

Tinha dito que iria mostrar mais opções para a bonequinha alada que ficará linda na árvore de Natal. Estas têm um padrão que é tendência na decoração desta ano e aproveitei para fazer uns outros adornos. Deixo-vos com as fotos:
 



  
 
Página de facebook: aqui

4 de novembro de 2016

A caminho do Natal

Com a aproximação da época natalícia surgem as costuras alusivas. Resolvi recriar esta bonequinha alada que fez sucesso no ano passado e aqui está a primeira deste ano. Com um vestidinho apropriado e um chapelinho amoroso, fica linda na árvore de Natal ou como elemento decorativo em qualquer cantinho.
 



Acho-a simplesmente deliciosa e quero fazer muitas mais. Espero que gostem e não se esqueçam que poderão encomendar, escolhendo o tecido preferido, de entre os disponíveis que encontram na página de facebook. Num próximo post mostrarei mais opções.



Página de facebook: aqui

10 de setembro de 2016

Momento zen

O Alentejo transmite tranquilidade. É impossível ficar indiferente quando olhamos para o horizonte e temos aquela paisagem de perder de vista. Tudo é calmo e de um silêncio profundo, o que acaba por ser inspirador. 
 



Tão inspirador que acabei por reunir umas tábuas que tinha de sobra e criei um painel com algumas das cores do Alentejo. Tive ajuda na parte de cortar e pregar, mas o resto surgiu quase de forma espontânea, olhando à volta. Foi muito para além da reciclagem: voltei a pegar em pincéis (noutros tempos foram uma grande companhia) e despertou em mim o "bichinho" de fazer coisas novas.
 
 
 
Página de facebook: aqui
 

5 de setembro de 2016

Mértola

Gosto de lugares com identidade própria. Daqueles lugares que identificamos como genuínos e que contêm em sim um pouco da história do seu passado. Por isso considero Mértola um excelente exemplo de preservação e de autenticidade. Aguarda neste momento uma resposta da UNESCO, após ter sido efectuada a entrega da candidatura a património mundial.
Esperemos que as próximas notícias sejam as esperadas, como forma de dinamização e reconhecimento internacional desta vila encantadora banhada pelo rio Guadiana e localizada  no Baixo Alentejo.

Das dezenas de fotos que tenho, deixo algumas que dizem respeito à zona interior das muralhas. Espero que gostem.







E numa típica rua estreita e empedrada encontramos o atelier de Nádia Torres, uma artista emblemática do concelho.


Seguimos rua abaixo...


... e voltamos noutra rua paralela...


... até avistarmos de novo o rio.



A partir da outra margem podemos apreciar o casario branco e alinhado sobre o Guadiana.


 
Depois destas imagens espero que, quem ainda não conhece, fique com vontade de fazer uma visita. Pela minha parte, voltarei assim de puder.
 
 
Página de facebook: aqui

25 de julho de 2016

Na floresta

Andava há anos para visitar a Tapada de Mafra. Era um daqueles lugares que tinha na minha lista, mas que ainda não tinha calhado. Desta vez, sem pensar muito e fazer grandes planos, lá nos metemos a caminho. Apesar do forte calor que se fazia sentir, a floresta é sempre mais fresca e como existe muita sombra, o percurso de 4 km fez-se muito bem.
Como a tarde já ia a meio, não deu para visitar tudo, mas deu para ver muitos javalis e alguns veados.


Os javalis pareciam distraídos mas davam pela nossa presença. Aqui descalcei-me para poder fotografar mais de perto e sem barulho. Eles fingiram que não viram e lá continuaram a fazer coisas de javali: fuçar o chão!
 



As árvores são imensas e dão uma sombra excelente.





Incrível como os veados estão atentos. Aqui aparecem dois mas contei quatro juntos. Também avistámos noutro local. Difícil é fotografá-los.
 




E é isto! Uma floresta linda para passear durante horas e saborear o silêncio do local.
 
A Tapada Nacional de Mafra tem uma oferta variada, com vários programas e actividades disponíveis, que poderá escolher e planificar com antecedência. Um óptimo local para passear com a familiar, para visitar tranquilamente e deixar-se envolver pelo cheirinho bom da natureza.

Gostei de conhecer e espero voltar mais vezes.




Página de facebook: aqui

28 de junho de 2016

Com água tónica mas sem álcool

Com este calor é preciso hidratar. E para aqueles dias em que apetece relaxar com uma bebida sem álcool resolvi fazer uns testes com o que tinha em casa.
A melancia está óptima neste momento, sumarenta e muito doce. Há que aproveitar.
 

É necessário:

- Uma fatia de melancia
- Duas rodelas de limão
- Hortelã
- Água tónica
- Gelo

Começa-se por partir a melancia em cubinhos e reservar. Uma rodela de limão também será partida em pequenas porções.

É só colocar tudo no copo misturador, acrescentar um pouco de água tónica e bater vigorosamente (isto é importante). Verter num copo, acabar de encher com água tónica e acrescentar muito gelo.
Enfeitar com a rodela de limão que sobrou e hortelã.



É super refrescante, garanto. Se não gostar de água tónica, poderá sempre utilizar algo como 7Up. O importante é que fique ao seu gosto.



Página de facebook: aqui